• Prof. Dr. Loque Arcanjo
  • Prof. Dr. Luiz Naveda
  • Profa. Dra. Marília Nunes

Prof. Dr. Loque Arcanjo (veja página aqui)

Doutor e mestre em História Social da Cultura e especialista em História da Cultura e da Arte pela UFMG. Pós-doutorado pela Escola de Música do Depto de Música da UFMG na linha de pesquisa Música e Cultura. Pesquisador vinculado ao ao Grupo de Pesquisa Corpo, Música e Cultura da Escola de Música da UEMG Grupo de Pesquisa PAMVILLA – Perspectivas Analíticas para a Música de Villa-Lobos da ECA/USP.. Professor Efetivo do Departamento de Teoria Musical da Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG) onde desenvolve pesquisa nas áreas de Música, Artes e História no Centro de Pesquisa da Escola de Música, leciona as disciplinas de História da Arte, História da Música Brasileira e Antropologia Cultural.Coordena o Projeto intitulado Heitor Villa-Lobos na América Hispânica: estudo da internacionalização da obra do compositor brasileiro a partir do Acervo Curt Lange (1930-1945)-FAPEMIG.

Prof. Dr. Luiz Naveda (Veja página aqui)

Luiz Naveda é graduado em Música (Bacharelado em Violão) pela Universidade do Estado de Minas Gerais (1995-1999), mestre em Performance Musical pela Universidade Federal de Minas Gerais (2000-2002), doutor em Ciências da Arte (Musicologia, 2006-2011) e pós-doutor pela Universidade de Gent (2011). Possui ainda formação técnica em Eletrônica (Coltec, 1991-1994). Tem atuado na área de Artes e Cultura a partir de um amplo espectro multidisciplinar como produções em performance musical, instalações interativas e artísticas, design sonoro, música, vídeo e interação para dança, projetos artísticos e publicitários, arquitetura em papal, cartonagem e fotografia (ver portfolio em http://naveda.info). Os campos investigação científica atual orbitam sobre as relações entre dança e música e incluem interações com os campos de recuperação de dados musicais (MIR), análise de movimento, análise de dança, sistemas interativos, computação musical, educação musical, acústica musical e psico-acústica e preservação de acervos sonoros (ver publicações e projetos nas áreas). Nos últimos anos tem se dedicado ao estudo do gesto musical no movimento humano, dança e música, utilizando computação aplicada ao áudio musical e dados de captura de movimento. Tem se dedicado à análise de culturas musicais-coreográficas como, por exemplo, o Samba Afro-Brasileiro, além de improvisação em dança contemporânea privilegiando abordagens cruzadas entre música e dança. Atua como artista independente, compositor, designer de mídia e sistemas interativos e professor do ensino superior. Atuou como consultor e desenvolvedor na área de software e hardware para aplicações musicais e multimídia interativa. Desde julho de 2013 ocupa o cargo de Professor de Musicologia da Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG) onde atua em programas graduação, pós-graduação e extensão (ver http://edu.naveda.info). É coordenador do Programa de Pós-graduação em Artes da UEMG (http://ppgartes.uemg.br/) onde atua na linha de pesquisa “Processos de formação, mediação e recepção.”.

Profa. Dra. Marília Nunes (Veja página aqui)

Doutora em Neurociências pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Mestre em Psicologia do Desenvolvimento (UFMG/2010), Especialista em Arteterapia pela Faculdade Vicentina (FAVI), possui graduação em Música (Flauta doce) pela Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG/2005) e graduação em Psicologia pela UFMG (2007). Tem experiência na área de Psicologia, com ênfase em Neuropsicologia, Psicologia e Educação e Psicometria, e na área de Música, com ênfase em performance em música barroca (Flauta doce e canto). Atuou como professora designada de Neuropsicologia, Psicodiagnóstico infantil e Psicologia da Educação no curso de Psicologia da Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG), campus Divinópolis, e de metodologia de ensino e flauta doce nos cursos de Licenciatura, Bacharelado e musicalização infantil na Escola de Música (ESMU) da UEMG. Atualmente é professora efetiva da ESMU/UEMG, ministrando Psicologia e Educação, Flauta doce como instrumento musicalizador, Prática musical em conjunto e Práticas em Pesquisa (TCC); e professora do Programa de Pós-graduação em Artes da UEMG, ministrando disciplinas sobre a relação entre Artes e Neurociências.Tem como principal área de pesquisa a Neuropsicologia da Música, desenvolvendo trabalhos sobre: Processamento cognitivo musical; Amusias; Avaliação neuropsicológica das habilidades musicais; Processamento musical na Síndrome de Williams; Música e relaxamento; Relações entre o processamento numérico e musical; Modularidade do processamento cognitivo musical; Percepção musical e transtornos de aprendizagem e; Memória e emoções musicais.